Vereadores aprovam projeto que define ações para próximos quatro anos

Na manhã desta terça-feira (30), os vereadores realizaram uma sessão exclusiva para apreciação do projeto de lei nº 120, que dispõe sobre o PPA (Plano Plurianual). O PPA 2022-2025 é instrumento de planejamento governamental que define diretrizes, objetivos e metas da administração municipal para as despesas de capital e outras delas decorrentes e para as relativas aos programas de duração continuada.

O vereador Paulo Veron apresentou uma emenda modificativa, visando alterar a redação do artigo 7º.

Durante a votação, o PL foi aprovado e a emenda foi rejeitada.

Conforme o artigo 4º, da proposta o PPA foi elaborado observando os seguintes Programas:

  1. Programas 1
  2. Qualifica Três Lagoas – contempla um conjunto de ações e soluções com foco em gestão, capacitação profissional e atração de investimentos para desenvolver os setores do comércio, serviços, indústria, turismo e agronegócio.
  3. Programa 2
  4. Infraestrutura para todos – tem como metas valorizar a identidade urbana de Três Lagoas e viabilizar a execução de obras de requalificação, drenagem, pavimentação asfáltica, mobilidade e paisagismo urbano. São iniciativas que contemplam toda a cidade e buscam o desenvolvimento integrado e sustentável do município.
  • Programa 3
  1. Desburocratiza Três Lagoas – Modernizar a gestão administrativa por meio de sistemas e processos que permitam maior eficiência nos serviços oferecidos aos munícipes, com a desburocratização da máquina pública e agilidade no atendimento, proporcionando acesso direto as informações com transparência e acessibilidade.
  2. Programa 4
  3. Bem-Estar – O capital humano se tornou o bem mais valioso do município, criar ações que proporcione o bem-estar social é um desafio para a gestão pública. Realizar políticas públicas que integre uma maior gama de serviços oferecidos à população, é uma ferramenta de transformação, que pode causar um impacto direto a curto e médio prazo, melhorando a qualidade de vida dos munícipes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *