• Após ficarem tanto tempo em casa, em função da pandemia, os adolescentes e jovens da unidade estão atuantes neste ano, conquistando medalhas e troféus em eventos regionais e interestaduais

    Na Escola Estadual Fernando Corrêa, do município de Três Lagoas, estudantes têm se destacado em diversas modalidades esportivas em competições locais, regionais e interestaduais. Após ficarem tanto tempo em casa em função da pandemia, os adolescentes e jovens estão atuantes neste ano, conquistando medalhas e troféus.

    A coordenadora do programa global Escolas2030, Luci Nakamura, enfatiza as conquistas. “Os avanços tecnológicos são próprios dessa geração de estudantes, contudo, o uso excessivo da internet não é saudável. É preferível que os adolescentes atuem também em atividades culturais e esportivas”.

    Destaques

    Entre os destaques das últimas semanas, a estudante Heloísa Ferreira de Souza, do 3º ano do ensino médio, foi vice-campeã de Taekwondo no campeonato do Centro-Oeste. E o estudante Matheus Yuji Arakaki, também do 3º ano do ensino médio, foi campeão de kickboxing na cidade de Bauru, em São Paulo.

    As estudantes realizam os treinamentos de voleibol após o horário de aulas do vespertino, em projeto promovido pelo Fundesporte

    Ambos treinam em academias fora do âmbito escolar e mesmo assim a unidade escolar os valoriza, pois, segundo a diretora adjunta Selma de França Carvalho Vieira, “a escola é uma incentivadora dos esportes, pois os adolescentes e jovens passam a ter um estilo de vida mais saudável, além de serem motivo de orgulho a partir de suas conquistas desportivas”.

    Na semana passada, o time feminino de voleibol abrilhantou os Jogos Escolares em Três Lagoas e subiram ao podium como vice-campeãs, com o treinador Adilson da Silva Machado Alquimin Gonçalves, que realiza os treinamentos após o horário de aulas do vespertino em projeto promovido pelo Fundesporte. “E mesmo sendo a primeira turma de treinamento deste ano, nossas meninas brilharam em quadra”, relata a diretora Selma de França França Carvalho Vieira.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *