• A Secretaria do Tesouro Nacional, do Ministério da Economia, divulgou nesta semana o Ranking da Qualidade da Informação Contábil e Fiscal de todo o país e o Município de Brasilândia está em segundo no Estado de Mato Grosso do com o melhor Ranking de Qualidade da Informação.

    Conforme a publicação, o Município está na categoria B, com 93,6%, a mesma média dos demais 1.750 municípios do Brasil.

    Em sua terceira edição, o Ranking da qualidade da informação contábil e fiscal foi criada para avaliar a consistência da informação que o Tesouro recebe por meio do Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro (SICONFI).

    O Ranking utiliza a mesma data de corte do Balanço do Setor Público Nacional – BSPN. A previsão legal do balanço (conforme o artigo 51 da Lei de Responsabilidade Fiscal), estabelece que os entes federativos devem enviar seus dados à União, para que esta proceda com a consolidação das contas públicas.

    Em sua metodologia são avaliadas em quatro dimensões: gestão da informação, informações contábeis, informações fiscais e o cruzamento entre as informações contábeis e fiscais.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *