A Prefeitura de Selvíria, por meio da Secretaria de Saúde e Controle de Vetores, vem realizando uma série de ações para evitar o avanço da dengue e outras doenças no Município. Por enquanto, sete casos foram confirmados em 2022.

Os agentes de endemias vem realizando vistorias, fazendo panfletagem e orientando a população sobre os cuidados para evitar a dengue e outras doenças, como chikungunya, que é transmitida pelos mesmos mosquito o aedes aegypti.

O setor, quando necessário, também vem realizando limpeza de imóveis e terrenos baldios, quando estes apresentam riscos à saúde pública, com possibilidade de terem criadouros da larva do mosquito.

E o trabalho vem apresentando resultado: há um mês o Município não tem notificações relacionadas à doença.

Como evitar a proliferação do mosquito transmissor da dengue

É importante eliminar os criadouros, como latas, embalagens, copos plásticos, tampinhas de refrigerantes, pneus velhos, garrafas PET e de vidro vazias, que acumulam água parada, o que é ideal para a procriação do mosquito transmissor da dengue. Se precisar guardar alguns desses materiais, coloque-os em locais cobertos e secos. Garrafas devem ser armazenadas com a boca para baixo.

Também não deixe a água se acumular em vasinhos de plantas e jarros de flores. A dica é colocar areia no prato do vaso.

Caixas d’água, tambores, latões e cisternas devem ficar bem fechados, sem nenhuma fresta, para impedir a entrada do mosquito.

Feche bem os sacos plásticos e mantenha a lixeira bem tampada e seca.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *