• Você sabia que a Prefeitura de Três Lagoas oferece gratuitamente terapia de Auriculoterapia? O tratamento é uma prática medicinal baseada no conceito de que a orelha é um microssistema que representa todo o corpo como um mapa, e auxilia na qualidade de vida, para aliviar problemas de saúde como ansiedade, enxaqueca ou compulsão alimentar, por exemplo.

    O tratamento é realizado pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), por meio da Academia de Saúde e faz parte do Programa Nacional de Práticas Integrativas e Complementares (PNPIC), ofertado pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

    TÉCNICA TERAPÊUTICA

    Com origem na medicina tradicional chinesa e francesa, a técnica terapêutica consiste na aplicação de sementes de mostarda em pontos específicos na parte externa das orelhas, ou aurículas, para tratar a enfermidade ou promover a melhora da saúde.

    A coordenadora da Academia da Saúde Maiara Oliveira ressalta que a Auriculoterapia se baseia na ideia de que o corpo humano pode ser representado na orelha, no formato de um feto, e, por isso, cada ponto se refere a um órgão específico.

    “Quando esse ponto é estimulado, é possível tratar problemas ou aliviar sintomas nesse mesmo órgão. No entanto, é importante ressaltar que a auriculoterapia não promove a cura e não substitui o tratamento médico convencional com remédios”, orienta Maiara.

    QUEM PODE FAZER

    O tratamento é destinado para todos os públicos, a partir de 18 anos de idade, exceto gestantes e lactantes e pessoas com diagnóstico de problemas cardíacos e pressão. A técnica é oferecida todas terças-feiras, das 13h às 16h, não necessita realizar cadastro, basta comparecer na Academia de Saúde, portando cartão do SUS e documento com foto, para iniciar a terapia.

    A Academia da Saúde fica na Rua Aristone José da Silva, cruzamento com a Rua Manoel de Faria Duque s/n no Jardim Maristela, próximo a USF Jardim Maristela, telefone (67) celular 99204-6616.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *