Rapaz conhecido como “Chinfra” foi baleado, chegou a ser socorrido para hospital, mas não resistiu

 

Moradores de Água Clara, amanheceram assustados com a quantidade de policiais e helicóptero na cidade. Uma pessoa identificada como Matheus, conhecida pela apelido de “Chinfra” foi baleada durante a operação e morreu no hospital.

Nomeada “Operação Expurgo”, o alvo da polícia é uma organização criminosa que atua dentro e fora dos presídios, realizando crimes de tráfico de drogas, lavagem de dinheiro e posse de armas de fogo. A operação é realizada em conjunto com a Polícia Civil e Ministério Público.


Drogas, dinheiro e cartões foram apreendidos naoperação (Foto: Divulgação)

Ao todo são 51 mandados, sendo 26 de prisão preventiva e 25 de busca e apreensão. Foi ainda cumprido um mandado de sequestro de imóvel, oriundo do crime de lavagem de dinheiro, avaliado em R$ 350 mil.  O nome da operação deriva do fato de que muitos dos integrantes já haviam sido presos e continuavam praticando crimes, comandando a organização de dentro dos presídios.

Vídeos de moradores da cidade mostram o helicóptero sobrevoando Água Clara desde cedo, nas redes sociais muitos contam que acordaram assustados com o barulho da aeronave e das sirenes. A operação foi concentrada na região do Bairro Portelinha.

Mais de 90 policiais estão envolvidos na operação. Ainda não há informações de como o traficante “Chinfra” foi baleado, mas de acordo com o apurado pelo site Campo Grande News, ele chegou a ser socorrido para o hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

 

 

 

Fonte: CAMPO GRANDE NEWS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *