Na noite desta quarta-feira (5), acontecerá, no plenário da Câmara Municipal de Três Lagoas, a partir das 18h30, a segunda audiência pública, que visa dar embasamento para a elaboração do primeiro Plano Municipal da Primeira Infância.

No caso, serão ouvidas as demandas e necessidades de crianças com deficiência, na faixa etária de 0 a 6 anos, através da participação de seus familiares e responsáveis, bem como,  de profissionais que atendem este público.

Durante a audiência haverá palestra com Liliane Garcez, indicada pela Rede Nacional da Primeira Infância (RNPI), mestre em Educação, pela Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo; psicóloga pelo Instituto de Psicologia da mesma universidade e administradora pública pela Escola de Administração, da Fundação Getúlio Vargas. Ela também tem especialização em Políticas Públicas para a Igualdade na América Latina pelo Conselho Latino – Americano de Ciências Sociais, tendo ainda no curriculum atividades e projetos vinculados, a Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão, do Ministério da Educação e a Secretaria Nacional de Promoção dos Direitos das Pessoas com Deficiência da Presidência da República, entre outros méritos profissionais.

Em junho de 2022, a Câmara também sediou uma audiência pública, para apresentação do Plano Municipal para Primeira Infância, com palestra de Vital Didonet, especialista em educação infantil e políticas públicas pela Primeira Infância da Rede Nacional Primeira Infância (RNPI) e  de Maria Aparecida Freira, especialista em educação pela Universidade Federal de Pernambuco, e também, a secretária executiva da RNPI.

As audiências são resultado de reuniões e estudos que vêm sendo desenvolvidos na Câmara Municipal, por propositura do vereador Doutor Cassiano Maia, presidente do Legislativo Municipal, pela Comissão Municipal para Primeira Infância, que é um grupo composto por 28 membros, constituído pelo Decreto Municipal nº 106/2022.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *