O mercado de Tecnologia de Informação apresenta uma crescente demanda por profissionais no Brasil e no mundo todo. A falta de profissionais nessa área pode levar a um “apagão” ou impor dificuldades às empresas para acompanhar as transformações tecnológicas cada vez mais urgentes e necessárias.

Diante desse desafio, o Governo de Mato Grosso do Sul, através da Secretaria Executiva de Qualificação Profissional e Trabalho da Semadesc (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação), em parceria com o SENAC MS (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial) está trabalhando na construção de um Programa Estadual de Formação de Desenvolvedores de Sistema, visando contribuir com uma das metas do Plano de Governo que é um Estado mais tecnológico e inclusivo.

Para garantir que o Programa seja desenvolvido de maneira altamente alinhada às necessidades de contratação do segmento de Tecnologia da Informação, será realizado um primeiro Workshop com as principais empresas interessadas por profissionais dessa área.

O objetivo é qualificar as necessidades do mercado para que o curso ofertado atenda as expectativas e gere empregabilidade imediata aos alunos participantes.

O workshop será realizado no dia 13 de abril, a partir das 19h, na Senac Hub Academy, localizada na rua Francisco Cândido Xavier, 75, em frente ao Horto Florestal. As vagas são limitadas e as inscrições podem ser feitas com o preenchimento de um formulário eletrônico através desse link.

“A proposta do programa é que públicos de diferentes perfis possam se capacitar em uma das áreas com maior empregabilidade na atualidade, por meio da parceria realizada com o Senac, instituição que já reúne larga experiência na qualificação de profissionais para todos os segmentos das atividades do comércio de bens, serviços e turismo, incluindo o de tecnologia da informação”, destacou Bruno Bastos, secretário executivo de Qualificação Profissional e Trabalho da Semadesc.

O evento pretende reunir diretores de empresas que enfrentam dificuldades para contratar profissionais de TI em diferentes níveis de experiência, sendo um momento propício para debater o assunto e construir em parceria as ações que poderão transformar essa realidade “e fazer de Mato Grosso do Sul um Estado referência em tecnologia”, concluiu Bastos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *