Homem é preso após esfaquear ex-namorada em Três Lagoas

sirene-Policia-2

Uma grave ocorrência foi registrada na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) após um homem de 31 anos atacar a ex-namorada a facadas na noite desta segunda-feira (13), na rua Antônio Esteves Leal, no bairro Jardim Guaporé II (Atenas), em Três Lagoas.

Por volta das 20h, a Polícia Militar foi acionada no Hospital Auxiliadora, onde a vítima deu entrada após ser esfaqueada. O quadro da vítima foi considerado grave devido à quantidade significativa de sangue perdido, mas os médicos indicaram que ela não corria risco iminente de morte, embora fossem necessários novos exames.

Vizinhos que ajudaram a socorrer a vítima informaram à polícia que o agressor seria um ex-namorado da mulher. Os militares foram até a residência da vítima e conversaram com a irmã dela. Segundo a testemunha, a irmã havia terminado o relacionamento com o suspeito, identificado como Jackson de Souza Carvalho, de 31 anos.

A irmã relatou aos policiais que ela e a vítima moram juntas em um sobrado, sendo a vítima no andar de baixo e ela no andar de cima. Ela testemunhou quando o suspeito entrou na casa da irmã e logo depois ouviu os gritos de socorro da vítima. Tentando ajudar, a testemunha tentou arrombar a porta, que estava trancada.

Ao perceber que alguém estava forçando a porta, Jackson teria aberto e avançado na direção da mulher, mas desistiu ao ouvir os pedidos de socorro da ex-cunhada. No interior da casa, a vítima foi encontrada desacordada e com um sangramento intenso.

Enquanto os policiais colhiam informações com a testemunha, Jackson de Souza Carvalho se apresentou na Depac, confessando a tentativa de feminicídio. Ele relatou que mantinha um relacionamento com a vítima por dois meses e que houve o rompimento naquele dia.

Após saber que a ex-namorada iria a uma festa, ele ligou para ela dizendo que não poderia sair. Ao ouvir que ela iria sim, por estar solteira, ele foi até a casa dela para impedir, resultando em uma discussão que culminou no ataque com facadas no pescoço.

Jackson foi preso em flagrante por tentativa de feminicídio e encaminhado para uma cela na Depac, aguardando audiência de custódia e posterior transferência para o Presídio de Segurança Média (PSM).

Este incidente ressalta a gravidade do feminicídio e a necessidade de medidas mais eficazes para prevenir e punir casos de violência contra a mulher. As autoridades continuam investigando o caso.

Compartilhe nas Redes Sociais

Outras Notícias

Banca Digital

Edição 218