No último sábado, dia 13 de janeiro, os policiais militares do 2º Batalhão de Polícia Militar de Três Lagoas, Mato Grosso do Sul, foram acionados para atender a uma ocorrência de violência doméstica na rua Vinte e Cinco, no bairro Vila Piloto. A ação resultou na prisão de um indivíduo de 50 anos por crimes contra a mulher, além de ter cumprido um mandado de prisão em desfavor do mesmo.

A guarnição de radiopatrulha do 2º BPM foi acionada pelo Centro de Operações da Polícia Militar (COPOM) por volta das 21h50. Ao chegar à residência, os policiais se depararam com uma vítima de 29 anos, que relatou ter sido vítima de violência por parte de seu esposo embriagado e alterado.

Segundo o relato da vítima, o agressor teria chegado à residência visivelmente embriagado e nervoso, proferindo palavras de baixo calão. A situação escalou para agressão física, onde a vítima foi arrastada pelos cabelos até a varanda, sendo ameaçada com uma faca.

Diante da gravidade da situação, os policiais agiram prontamente, imobilizando o agressor. Durante a consulta nos sistemas policiais, foi constatada a existência de um mandado de prisão em aberto em desfavor do indivíduo, expedido pela 1ª Vara Cível de Três Lagoas.

O agressor, após a voz de prisão, foi encaminhado à Delegacia de Polícia, onde foi lavrado o auto de prisão em flagrante pelos crimes de ameaça, injúria e vias de fato, configurando violência doméstica. A ação rápida da Polícia Militar resultou na detenção do agressor, proporcionando à vítima o respaldo legal necessário diante dos atos de violência sofridos.

As autoridades policiais ressaltaram a importância do combate à violência doméstica e a pronta resposta da corporação diante de situações que envolvem riscos à integridade física e emocional das vítimas. O agressor permanece à disposição da justiça para as devidas providências legais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *