Na tarde desta terça-feira (23), um incidente foi registrado no Residencial Gilson Teixeira, no Conjunto Habitacional Orestes Prata Tibery Junior (Orestinho), em Três Lagoas. Um homem de 24 anos foi detido pela Polícia Militar após ameaçar de morte à própria mãe, uma mulher de 53 anos.

O episódio começou a se desenrolar por volta das 16h30, quando a vítima, desesperada, ligou para o número de emergência 190, relatando estar sendo ameaçada de morte por seu filho. Segundo informações, o jovem se recusava a sair do apartamento e, caracterizado pela extrema violência, teria feito ameaças sérias à mãe. Ele exigia que ela deixasse a residência ou não chamasse a polícia.

Ao receber o chamado, a Polícia Militar prontamente se dirigiu ao local. Ao avistar os militares, o suspeito empreendeu fuga entre os blocos de apartamentos, buscando refúgio em um apartamento abandonado. No entanto, a tentativa de escapar foi frustrada, resultando em sua prisão.

Na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac), a vítima, uma mulher de 53 anos, revelou que o filho já possuía diversas passagens policiais e que constantemente sofria ameaças. Temendo por sua vida, decidiu registrar um boletim de ocorrência para sua proteção.

O jovem de 24 anos foi detido em flagrante por ameaça e conduzido à carceragem da 1ª Delegacia de Polícia Civil. A situação ressalta a importância das autoridades e da comunidade em lidar com casos de violência doméstica, garantindo a segurança e o bem-estar das vítimas. O caso permanece em investigação para apurar as circunstâncias que levaram a esse comportamento agressivo por parte do jovem detido.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *