Na quarta-feira, 27 de março, o Comitê Municipal de Mobilização e Combate ao Aedes aegypti de Três Lagoas realizou mais uma reunião, promovida pela Prefeitura Municipal de Três Lagoas, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS). O objetivo da reunião foi envolver todos os três-lagoenses na luta contra o mosquito Aedes aegypti, discutindo e debatendo ideias para conter o número de casos suspeitos de dengue no município.

Durante a reunião, foram abordados diversos assuntos, como o intuito de acompanhar e estabelecer estratégias de ações voltadas à prevenção e controle das arboviroses, planejar a continuidade das atividades de combate e criar estratégias.

As ações elaboradas incluem visitas domiciliares para o acompanhamento e prevenção nas residências, mutirões de limpeza, borrifações em imóveis e bueiros, armadilhas de monitoramento de vetores, busca ativa, instalação de ovitrampas e bloqueios de casos humanos suspeitos de arboviroses.

Durante a reunião, foram discutidos os números de casos e suas nuances no município. Em 2024, foram notificados 789 casos e confirmados 59, números alarmantes para a população.

A professora e doutora da Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (UFMS), Marine, explanou seu projeto com os alunos da instituição, do curso de Geografia, onde são montados mapas de calor para casos suspeitos de dengue, conseguindo reconhecer onde há foco.

A reunião contou com a participação de diversos órgãos e entidades, incluindo Ministério Público, Polícia Militar Ambiental, Aeroporto, UFMS, Hospital Auxiliadora, 2º BPM, Sindivarejo TL, Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS), APAE, Bombeiros, SSPM, Secretaria Estadual de Saúde/Núcleo Regional de Vetores, NEPS, Promoção da Saúde, Vigilância em Saúde do Trabalhador, Vigilância Epidemiológica, Entomologia, Vigilâncias Ambiental e técnicos da Diretoria de Saúde Coletiva.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *