A Polícia Federal deflagrou, nesta terça (23), a Operação Nicolau I, com o objetivo de combater abuso sexual infantil.

Foi cumprido um mandado de busca domiciliar expedido pela 1ª Vara Criminal da Comarca de Corumbá, no qual foram apreendidas mídias digitais que seguem para a perícia da Polícia Federal.

Segundo investigações, o morador da residência armazenava material contendo vídeos e imagens pornográficas e sexuais envolvendo crianças e adolescentes.

O autor responderá pelo crime contido no Estatuto da Criança e do Adolescente cujas penas máximas chegam a 4 anos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *